Muitas pessoas, especialmente no Brasil, nunca ouviram falar da Renesas e provavelmente isso ocorre devido ao fato de ser uma empresa jovem e com uma presença relativamente tímida aqui em terras tupiniquins. Neste post vou contar um pouquinho da história dessa empresa e apresentar alguns números, de forma a esclarecer um pouco sobre que empresa é essa…

Bom, vamos começar falando um pouco de história: a Renesas é uma empresa japonesa na área de eletrônica e foi fundada em 2003 como uma joint venture entre a Hitachi e a Mitsubishi Electric, ambas gigantes japonesas com grande atuação na área da eletrônica. Em 2010 a NEC Electronics Corporation juntou-se a Renesas e trouxe com ela a sua linha de microcontroladores e microprocessadores (que aumentou a já ampla linha de MCUs e MPUs da Renesas). A wikipedia tem alguns detalhes interessantes sobre a empresa.

A linha de produtos fabricados pela Renesas é digna do peso dos três principais sócios da empresa: vai de microcontroladores 8 bits de baixo custo (como os 78K0 desenvolvidos pela NEC e H8 desenvolvidos pela Hitachi), passando pelos microcontroladores de 16 bits (H8, R8C e M16C desenvolvidos pela Hitachi, 78K0R desenvolvidos pela NEC e RL78 da Renesas), microcontroladores de 32 bits (como o R32C e RX da Renesas, V850 desenvolvido pela NEC e os SuperH desenvolvidos pela Hitachi), até microprocessadores SoC de alta performance para os mercados móveis e automotivos (utilizando múltiplos núcleos ARM, Cortex e SuperH). Além dos MCUs e MPUs a Renesas fabrica diversos outros semicondutores como integrados LSI, ASSP, Displays, IGBTs, MOSFETs, etc.

A Renesas foi o quinto maior fabricante de semicondutores nos anos de 2010 e 2011 e o primeiro em venda de microcontroladores no mesmo período. A participação da Renesas no mercado mundial de microcontroladores é de aproximadamente 28%, com vendas anuais de mais de 4 bilhões de dólares!

O terremoto e tsunami ocorridos no Japão em março de 2011 afetaram algumas fábricas da empresa e provocaram perdas patrimoniais consideráveis, mas segundo informações da empresa, a produção e entrega de produtos não sofreu prejuízo e nem trouxe problemas aos clientes.

Ainda assim, os recentes dados financeiros da empresa demonstram que o impacto econômico do terremoto e tsunami foi bem grande! Mas a crise que assola a Renesas não é exclusividade dela, o mundo todo vem atravessando crises que tem afetado os principais fabricantes de semicondutores.

Apesar de tudo, a Renesas ainda é o maior fabricante de microcontroladores no mundo e a sua vasta linha de produtos não deve passar despercebida. Especialmente no Brasil, a presença da empresa vem crescendo, com um escritório em São Paulo e investimentos na divulgação da empresa e ampliação da margem local de mercado.

 

Renesas, mas que empresa é essa?
Classificado como:                                                        

Deixe uma resposta